História da menina sozinha

quinta-feira, 2 de julho de 2009.


A historia que vou contar é dela...
nem é menina nem é mulher...
e em sua mente, as coisas são confusas, por que seu mundo caiu!
É tão estranho, mas as ilusões,
alimentadas por uma vida inteira
não passam de sonhos tolos e infantis!!!!!
Ela descobre que quem sempre esperou nunca vai chegar
nem na noite de Natal, nem no seu aniversário
nem em dia nenhum...
cadê o seu pai que nunca apareceu?
Ela sempre acreditou que teria acontecido algo como nos filmes
e ele estaria impedido de vir,
mas um dia viria a seu encontro
a abraçaria e amaria para todo o sempre!!
Mas tudo não passava de uma mentira que ela mesmo criara,
para se enganar...
Mas a verdade veio à tona
e a verdade é dura de ouvir!
Ele não a queria, ele não a amava
e não apareceria jamais,
por que ela não fazia parte das suas escolhas.
Ela sempre sonhou que um mundo lindo se abriria quando ele chegasse,
porém nunca fez parte do mundo dele,
foi duro saber
Mas foi inevitável.
Nínguém pode viver num mundo de mentiras
É muito cruel!
Também pode ter sido duro e cruel saber
que ela não teve pai e jamais terá!
Mas ela sobreviverá,
tendo a si mesma como guia e orientadora
e levando em seu coração uma mensagem:
"Pai, nunca precisei de você,
não tenha pena de mim, é desnecessário,
a sua ausência encheu-me de força
para eu ser uma pessoa melhor do que você foi!"

3 Comentários:

Anônimo disse...

Emocionanteeee!!
:D

Lenielson disse...

Surpreendente. Sinônimo de energia e superação. “... Tendo a si mesma como guia e orientadora ...”. Impressionante.

ene caroline disse...

Parabéns por significativamente tentar superar;mas como compartilhadora de uma realidade semelhante,vai uma dica; não se deixe endurescer nunca.A fraqueza que pode ter acometido esses indivíduos,nos deixou mais próximas da realidade de muitos que estão por este mundo afora;e por isso nos tornamos mais fortes e humanas.

Postar um comentário

 
Tatiane Gois © Copyright 2010 | Design By Gothic Darkness |